Início / Relacionamentos / Problemas com a sogra

Problemas com a sogra

Problemas com a sogra

Se tem problemas com a sogra tal como eu, existem algumas dicas para minimizar o atrito do muitas vezes obrigatório convívio com essas senhoras infernais. Depois de conhecer novas pessoas interessantes e semanas de namoro online que culminaram num primeiro encontro amoroso de sucesso, você é finalmente inundado pela magia do amor. Quando um relacionamento amoroso começa tudo é maravilhoso com toneladas de paixão e novidades excitantes de uma vida a dois repleta de romantismo que nos levam a desvalorizar alguns extras grátis tais como os amigos indesejados, animais de estimação, histórias mirabolantes e traumas inexplicáveis no entanto tudo isso são meros detalhes insignificantes quando comparados com o maior papão que pode surgir numa relação amorosa: A mãe do seu namorado ou namorada, que eventualmente numa questão de meses ou anos passará a fazer parte da sua família após o casamento, ganhando o parentesco de sogra.

Não me levem a mal, eu sei que há sogras fantásticas que são como segundas mães, mas também existem muitas que são verdadeiras bruxas. Este artigo visa quem tem problemas com a sogra, no sentido de  minimizar esta relação conflituosa aumentando a afinidade entre genro/nora e sogra. Vai precisar de se esforçar para engolir alguns sapos e fazer sacrifícios em nome do amor para preservar a privacidade do casal de uma sogra intrometida, sem beliscar a relação a anterior relação entre mãe e filho (a).

Resolva os problemas com a sogra, sem precisar de recorrer ao Conselho de Segurança das Nações Unidas:

  1. Sogra casamenteira: Mesmo quando o namoro é recente e vocês nem sequer pensam em casar, algumas sogras não se inibem de perguntar quando é o casamento entre vocês. O incómodo desta pergunta pode ser facilmente ultrapassado com bom humor e umas piadas. No entanto se os comentários se tornarem demasiado desagradáveis e passarem o limite do tolerável, é altura do casal se reunir em diálogo para comunicar à querida sogra que esse tipo de pressão e comentários causa algum desconforto e não ajuda em nada. O namoro está de boa saúde, mas ambos ainda não se sentem preparados para esse grande passo, quando decidirem casar ela será a primeira pessoa a saber e contam com o apoio dela para serem felizes enquanto casal.
  2. Sogra intrometida: Quando a sogra opina sobre tudo na vida do casal, aparece na vossa casa sem aviso prévio ou exclui o genro/nora de eventos familiares relevantes é preciso impor limites e mostrar um cartão vermelho em conjunto. Unidos e com delicadeza tomem uma posição firme para limitar esta intromissão indesejada, mostrando que são um casal e têm todas as condições para tomar decisões importantes em conjunto sem opiniões dispensáveis. Existem sogras super protectoras dos seus filhos que acham sempre que você não é o homem ou mulher ideal e tentam manipular o relacionamento do casal criando intrigas com o intuito de uma separação, especialmente quanto a relação mãe-filho (a) é muito próxima. Este tipo de guerrilha emocional deve ser alvo de uma conversa entre o casal logo aos primeiros sinais, limitando a triangulação marido-mulher-sogra sem cortar definitivamente os fortes laços mãe-filho (a)
  3. Sogra visitante indesejada: E as sogras que aparecem na casa do filho (a) sem avisar sem perceber que estão a prejudicar a sagrada privacidade entre marido e mulher? Ainda no passado fim de semana fui brindado por uma destas incómodas visitas sem aviso prévio quando eu e a minha parceira nos preparávamos para ir ao shopping. Vida em casal significa vida a dois, se um dos membros não concordar com estas visitas surpresa torna-se numa invasão desagradável deve existir um consenso entre o casal relativamente a esta situação para que em conjunto permitam as visitas ou decidam informar a sogra que apesar de adorarem a sua companhia, gostariam de passar mais tempo sozinhos em casa para fortalecer a intimidade do casal, nesse sentido agradeciam que as visitas fossem sempre combinadas previamente.
  4. Sogra contra filho (a): Também há casos em que mãe e filho (a) não se entendem e você acaba no meio de um fogo cruzado. As sogras que têm relações conflituosas com o filho (a) aproveitam todas as oportunidades para critica-lo (a) perante a sua cara metade, é neste caso em particular que a sua iniciativa deve imperar a fim de servir como mediador de paz. Em vez de ajudar na festa e meter mais achas na fogueira ajude o seu par perfeito sarando feridas antigas e revitalizando a união mãe-filho (a) para uma harmonia mínima.
  5. Sogra educadora: As avós devem ter um papel importante na educação dos netos, mas daí a intrometerem-se demasiado no seu namoro ou casamento com palpites constantes acerca da boa educação que você deve dar é um pulo. É preciso estar com atenção a eventuais mudanças de comportamento das crianças após o contacto com a sua sogra e vigilante acerca de uma desautorização sua perante a sogra. Novamente uma boa comunicação entre o casal se impõe, para sem recuos reverem e definirem em conjunto quais as linhas guia, decisões e princípios orientadores da boa educação das crianças.
  6. A outra sogra: Ao tentar resolver seus problemas com a sogra, talvez seja boa ideia considerar se a sua própria mãe é uma boa sogra e não estará a influenciar de qualquer forma o mau relacionamento que você tem com a sua verdadeira sogra. Se a sua namorada ou namorado reclamam consigo sobre o espaço que a sua própria mãe ocupa no vosso relacionamento e você não faz nada… não pode esperar que a relação com a sogra seja diferente. Defendo um relacionamento saudável com as mães, sem demasiadas intromissões que prejudiquem um namoro ou casamento, você está num relacionamento amoroso a dois e as decisões importantes são tomadas apenas pelo casal sem desprezar claro as opiniões da família. Reveja a relação da sua mãe com a nora / genro antes de criticar a sua própria sogra.

Na hora de resolver os problemas com a sogra não seja extremista e procure sempre o apoio da sua cara metade, pois uma boa relação saudável com a sogra envolve também o terceiro elemento marido/mulher/namorado/namorada. Não perder a cabeça e controlar o seu comportamento, evitar mostrar agressividade sem motivo aparente, faltar ao respeito ou ter brincadeiras desapropriadas é um bom começo para uma relação equilibrada com sua sogra.

Tem uma sogra de sonho ou infernal? Se este fim de semana estiver com a sua sogra, veja se ela é uma jóia ou uma das incómodas sogras referidas no artigo e deixe aqui o seu comentário acerca dela. Bom fim de semana para todos (as)! Boa sorte no amor!

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/10 (0 votes cast)

Veja Também

sexo ou amor

Sexo ou amor, será que o amor é a escolha certa?

Numa sociedade em que o sexo tem cada vez mais um papel mais importante do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *