Início / Conselhos para Encontros e Relações / Relação aberta – Convença o seu parceiro a experimentar

Relação aberta – Convença o seu parceiro a experimentar

Relação aberta - Convença o seu parceiro a experimentar

Já pensou em ter uma relação aberta, mas não sabe como convencer o seu parceiro? Ter uma relação que permita o envolvimento com outras pessoas não é para qualquer casal e é necessário algum tacto para abordar o assunto.

O que é uma relação aberta

Em primeiro lugar, deve saber muito bem o que é e ao que obriga uma relação aberta. Este tipo de relacionamento pressupõe que ambos os elementos do casal possam ter relações com outras pessoas. Este direito pertence sempre aos dois, portanto lembre-se que também o seu parceiro/a terá direito a estar com outras pessoas.

A relação aberta é um relacionamento normal em todos os outros aspetos, podem ser casados, namorados, etc., e pode existir, ao contrário de muitas opiniões, amor verdadeiro entre ambos.

Um relacionamento aberto tem a ver com sexo e não com amor. Apesar de amar o seu marido/mulher pode sentir a necessidade de ter outras experiências sexuais sem terminar a sua relação atual. Neste tipo de relações, as experiências com outras pessoas normalmente são apenas de sexo e não incluem sentimentos de paixão/amor, apenas desejo sexual.

Como saber se o seu parceiro poderia alinhar

Antes de pensar em convencer o seu parceiro, deve decidir se está preparado para este tipo de relação. Lembre-se que não poderá sentir ciúmes, ou pelo menos, demonstrá-los de forma negativa. Um relacionamento aberto serve para os dois lados!

Normalmente as pessoas que estão disponíveis para um relacionamento aberto são aquelas que adoram sexo e gostam de estar sempre a inovar.

Veja as caraterísticas mais comuns de alguém que poderia aceitar este tipo de relação.

  • Sexo dinâmico e aventureiro – Pessoas que adoram sexo e gostam de experimentar novas posições e satisfazer fantasias sexuais têm mais hipótese de alinhar.
  • Poucos ou ausência de ciúmes – Esta é uma caraterística muito importante. Uma pessoa muito ciumenta dificilmente conseguirá lidar com o facto de ter de partilhar o companheiro.
  • Recurso a vídeos Quem gosta de ver vídeos pornográficos com os seus parceiros está mais disposto a aceitar a troca de casais ou relação aberta, pois está habituado a que o sexo não seja apenas uma coisa entre os dois.

Dar o próximo passo

Se julga que o seu companheiro está pronto para embarcar nesta nova aventura, é hora de dar o próximo passo!

Em primeiro lugar, nunca deve perguntar diretamente ao seu parceiro, pois mesmo que ele tenha interesse, pode sentir (no momento da pergunta) alguma insegurança e ciúmes. Isto pode levá-lo a recusar. A melhor forma de obter um sim é ir fazendo pequenas insinuações em momentos íntimos, para que também o seu parceiro comece a pensar no assunto. Fale sempre em tom de brincadeira, pois o seu parceiro irá perceber a sua vontade.

Quando ele tiver pronto para avançar, vai também começar a responder às suas pequenas “brincadeiras” em momentos íntimos, até que em dada altura, cabe-lhe a si perguntar, sempre em tom de brincadeira e sempre nos momentos íntimos, se gostava de ter outras experiências. Se tudo correr bem, a sua resposta será sim.

A partir deste momento, não tente apressar as coisas, lentamente podem ir falando até começarem realmente a ter uma relação aberta.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 8.5/10 (2 votes cast)
Relação aberta - Convença o seu parceiro a experimentar, 8.5 out of 10 based on 2 ratings

Veja Também

7 encontros perfeitos para ter no verão

7 encontros perfeitos para ter no verão

Estamos no pico do verão e são muitas as pessoas que nesta altura do ano …